Prefeitura de Garanhuns

Prefeitura de Garanhuns
Prefeitura de Garanhuns

terça-feira, 13 de fevereiro de 2018

CRÍTICAS AO GOLPE FEITAS POR ESCOLAS DE SAMBA DO RIO DE JANEIRO SÃO DESTAQUE NA IMPRENSA INTERNACIONAL

Jornais franceses e italianos destacaram o tom político no desfile de algumas escolas de samba do Rio de Janeiro, como a Paraíso do Tuiti, Mangueira e a Império Serrano, que fizeram críticas na avenida aos paneleiros que protestaram à época de Dilma, ao governo de Michel Temer e do prefeito da “Cidade Maravilhosa”, bispo Marcelo Crivella.

Le Monde, um dos jornais mais famosos na França e no mundo destacou, ao citar o desfile da Tuiti: “Meu Deus, está extinta a escravidão?” A Escola fez fortes críticas à reforma trabalhista. Um dos principais personagens do espetáculo foi o presidente vampiro, em alusão à Michel Temer”.

A imprensa europeia informou ainda que os apresentadores e repórteres da TV Globo ficaram nitidamente constrangidos ao ter de narrar as críticas feitas pelas escolas de samba.

A Globo foi o veículo de comunicação do Brasil que mais incentivou os paneleiros e principal impulsionador do golpe parlamentar que afastou Dilma e colocou Michel Temer no poder.

Um país que passou a ser respeitado internacionalmente na Era Lula, hoje é motivo de chacota e piadas no mundo inteiro, graças a um presidente sem legitimidade, cercado por figuras suspeitas.

É sempre bom lembrar que o Judiciário, inclusive através do Supremo Tribunal Federal, vem dando suporte a todo o retrocesso porque passa o país.

Juristas renomados, professores de direito das principais universidades brasileiras têm reiteradamente criticado a partidarização da Justiça, do Ministério Público e da Polícia Federal.


Chegamos a um ponto que até o carnaval virou um caso de política, ou seria de polícia?

Nenhum comentário:

Postar um comentário