GOVERNO DE PERNAMBUCO

GOVERNO DE PERNAMBUCO
Presença do Governo no Agreste Meridional

Natal de Garanhuns

Natal de Garanhuns
A Magia do Natal

terça-feira, 11 de julho de 2017

PREFEITURA DECRETA LUTO OFICIAL DE TRÊS DIAS

Após desabamento de prédio residencial na Rua Desembargador João Paes no bairro Aloísio Pinto, a Prefeitura de Garanhuns decretou luto oficial de três dias a partir desta terça-feira (11). Durante 13 horas de resgate trabalharam junto aos Bombeiros Militares, a Defesa Civil, Secretarias de Obras e Infraestrutura, SAMU, Secretaria de Comunicação Social,  Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos, através do apoio de uma psicóloga e uma assistente social. As vítimas da tragédia, ambas já identificadas, foram Antônio Arcoverde, servidor público municipal e Edvaldo Soares da Silva, aposentado. Agora, o governo municipal trabalhará todo o trâmite burocrático sobre a construção. Durante o período de luto a bandeira do Município de Garanhuns ficará hasteada a meio mastro.

Muitas mensagens têm sido postadas nas redes sociais, de ontem para hoje, discorrendo sobre o desabamento do prédio no bairro Aluízio Pinto e a morte de Antônio Arcoverde e Edvaldo Soares.

A mãe de Antônio, senhora Lúcia Arcoverde, informou que o corpo do filho será velado na Câmara Municipal de Garanhuns. O horário será informado durante o dia.

Entre os muito depoimentos sobre o funcionário da prefeitura que morreu com o desabamento do prédio, destacamos este, de Cristina Moraes, colega de trabalho de Antônio:

Estamos de luto
Como lamento a forma que nosso colega fiel e ético, Antônio Arcoverde, nos deixou, em tão tenra idade e com uma filhinha recém nascida para criar.
Não sabemos nem o que falar, o momento é de muita tristeza e indignação.
Agora precisamos apurar tudo o que aconteceu, pois as responsabilidades são compartilhadas.
Você amigo, chegava de mansinho, muito educado e contido, sempre cordial.
A administração perde um excelente servidor.
Que o DEUS PAI todo poderoso te acolha em sua nova morada e que o seu espírito possa aceitar essa passagem precoce.
Com certeza, você tinha muito realizar.
Vai em paz amigo, já és uma estrelinha a brilhar no céu.


A Secretária de Comunicação do Município, jornalista Jacqueline Menezes, que ontem foi ao Recife, para um compromisso de trabalho, escreveu a seguinte mensagem:


Ontem vim ao Recife, em um compromisso de trabalho, representando a Prefeitura de Garanhuns em um dos mais importantes prêmios de jornalismo do País, o Cristina Tavares. Além de ser admiradora da história dessa saudosa e importante colega de profissão, vim representando a cidade onde ela nasceu. Devia essa vinda ao Sinjope desde 2013, mas só este ano consegui. Porém um dia que era para ser só feliz, trouxe a triste notícia da morte de um colega de trabalho, Antônio Arcoverde. Não tenho como postar as fotos do prêmio hoje. Em um dia que reencontro tantos amigos queridos, também perdi um excelente colega de trabalho. Acompanhei tudo à distância dando suporte à nossa equipe que estava no local, torcendo para que a pior notícia não se confirmasse. Mas infelizmente ela veio. Que Deus conforte a família de Antônio, de seu Edval e que possamos orar pelas demais famílias que perderam tudo com essa tragédia.

Muitos garanhuenses, com participação inclusive das igrejas, estão fazendo campanhas para ajudar os sobreviventes do prédio que tombou. Quem morava no local perdeu tudo e precisa realmente da solidariedade de outras pessoas da cidade.

Outros estão empenhados em saber as causas do acidente e se houve falha da Defesa Civil ou dos engenheiros do município que têm a obrigação de supervisionar os imóveis da cidade em situação do risco.

A nota do Poder Público, publicada acima, dá a entender que a Prefeitura irá apurar as responsabilidades com relação à queda do prédio. O caso tem de ser investigado mesmo, pois afinal de contas tivemos duas vítimas fatais e famílias inteiras estão neste momento desabrigadas.

Um comentário:

  1. INFELIZMENTE, só depois das tragédias, os detalhes aparecem. - Os jornais hoje informam que os construtores desse prédio que desabou haviam sido notificados pelo CREA-PE, em 2008. - Foram notificados os responsáveis pela construção, porque NÃO havia engenheiro responsável pela obra!! - E NADA foi feito, até que o pior acontecesse, como aconteceu??!! - É MUITA IRRESPONSABILIDADE !!!!

    ResponderExcluir